A difícil tarefa de voltar as origens. | Rândomico

24 de abr de 2016

Começarei dizendo que eu não tenho culpa de nada disso.
E que eu sei que não tem ninguém ai do outro lado vibrando por causa de um textinho sem vergonha numa página de blog falida. Mas eu sei que é um bocado estranho voltar aqui.
Personagem Mafalda em quatro tirinhas demonstrando tédio




OK. Sinceridade: Estou no famoso limbo de não ter o que fazer de novo. O mesmo que deu origem a este famigerado blog.

No youtube está tocando Falling Love - Mcfly. Uma bandinha falida que eu... Amo.
Tudo nostálgico de mais hoje.

Fábrica de Catupiry é muito nostálgico pra mim. Pra você talvez não. Tu não deve estar acostumado a isso. Mas enfim...

Estou vaga de mais hoje e não tenho assunto decente pra gente discutir. (Ou no caso pra eu me ludibriar achando que tem gente lendo. É.)

Vamos por partes?


O último post lançado foi, bem, foi no dia cinco de MAIO de 2015. Caaaara... Quase um ano! Isso é motivo pra gente postar foto de bolinho? Não? Ah, okay.


Confesso que dissertar um texto daqueles foi prazeroso. Sempre gostei de me expressar daquela forma, entende? Do meu jeito, com minhas palavras e palavreados. Entre textos e imagens eu meio que viajava, olha, era muito bom. Mesmo. 

Mas nesse quase um ano eu me entupi de trabalho. De responsabilidades que não deram em lugar nenhum. Não que eu tenha me arrependido de ter feito o que eu fiz, ou de quem eu era no trabalho, ou seja lá o que era. Só digo que não valeu a pena. Nem um pouco. 

E ai milhares de coisas ficaram para depois. 
E vem desde o meu relacionamento até minha saúde.

Deixei de ver amigos. 
De fazer coisas que eu gostava.

Por um trabalho que não valia a pena. 


E o que isso tem a ver?

Ora pequeno gafanhoto, isso conta com o blog. Se eu não tinha tempo de dar uns beijinho acha mesmo que eu iria escrever no Fábrica? Todo falido? Lógico que nom, né monamour?

Bem... E tem o outro fator: SEM PC.

Isso ai acaba com qualquer um. Fiquei um fucking ano sem pczinho em casa. Eu tinha meu celular e o computador de mesa do trabalho, e bem, nem o do trabalho eu podia contar. Era bloqueado pra tudo.

E levando em conta todos esses problemas, e empecilhos, e o trabalho... E a porra das duas horas de distância do trabalho pra casa... (Depois eu explico melhor.)

Tudo isso levou o Fábrica ás moscas.
Mas aqui estou. Em meio aos escombros de uma zueira sem fim.


Espero que não tenham se esquecido de mim! (Que nem certas pessoas que me deixaram sozinha esses dias aí, operada do siso...)

Eu volto pra gente bater papo sobre dentes. E sobre política. E sobre filmes e livros. Vamos fazer esse blog ser alguém nesse mundo de pages de facebook. OK? Ok!

Um beijo no miocárdio




Pequeno espaço para os devidos créditos: 
Imagem de apresentação: http://vamosdevan.blog.br/2014/02/5-dicas-para-lidar-com-o-tedio/

Comentários da Rede Social Azul:

2 comentários: